10 de junho de 2009

Idade é o que mais pesa na composição de preços de seguros

Fonte: InfoMoney - Data: 09-Jun-2009

Itens como idade, sexo e profissão são algumas das características que mais influenciam na composição de preços de seguros de vida, informa a Pro Teste - Associação de Consumidores.
O peso da pessoa e o fato de ela ser ou não fumante também são considerados importantes pelas seguradoras. "A idade é o item que mais pesa, além de ser considerado por todas as seguradoras. Quanto ao sexo, as mulheres tendem a pagar menos, contudo, dependendo da fase da vida, elas podem pagar mais caro do que os homens", explica a técnica da Pro Teste, Gisele Rodrigues.InfluênciasDe acordo com Gisele, para cada seguradora, há itens que influenciam mais ou menos, o que impede de determinar qual a representatividade de cada característica no preço final do seguro.Por outro lado, na simulação feita pela entidade, verificou-se que um homem, fumante, de 35 anos, pode pagar, na mesma seguradora, cerca de 5% mais caro, do que outro que não possui o hábito de fumar.Apesar de ser a idade a característica mais relevante na composição de preços, é a profissão que pode determinar se uma seguradora aceita ou não um novo cliente, conta Gisele. Bombeiros, policiais, seguranças, vigilantes e motoboys costumam não ser aceitos pelas seguradoras que comercializam seguro de vida, por terem trabalhos com altos índices de mortalidade.Pagando menosAinda segundo a Associação, mesmo que a pessoa seja fumante, tenha problemas de peso e se encontre em faixa etária considerada de maior risco, dependendo se é homem ou mulher, é possível economizar na hora de adquirir um seguro de vida.Para isso, uma opção é contratar a apólice por meio de um corretor, em vez de ir direto a uma agência bancária, já que eles costumam trabalhar com diversas seguradoras, o que possibilita ao cliente pedir para que faça diversas simulações em empresas diferentes, a fim de verificar qual tem a melhor relação custo e benefício.Entretanto, lembra a entidade, caso opte por um corretor, lembre-se de pedir o número de registro e verificar se a situação do profissional está regular no site da Susep (Superintendência de Seguros Privados).


>>> O seguro sai caro com seu perfil? Faça o Auto Fácil Cardif, o seguro contra roubo do veículo barato e sem perfil, e o seu carro vai ser rastreado e monitorado pela Ituran, acesse: www.autofacilituran.com.br